Bolsa Família acaba de SURPREENDER beneficiários: pagamentos foram atualizados

O benefício possui critérios e regras para os beneficiários, o que interfere diretamente no valor que é pago e nas datas dos repasses de cada mês. Entenda.

Os cidadãos brasileiros que se encontram em situação de pobreza e extrema pobreza recebem assistência do governo federal através de benefícios. Um dos mais importantes é o Bolsa Família, que teve os pagamentos atualizados e está nos últimos dias de repasse da parcela do mês de agosto.

São mais de 20 milhões de pessoas que recebem o suporte do governo, para isso as famílias precisam seguir todos os critérios de elegibilidade e as condicionalidades. A expectativa agora é para o repasse da parcela de setembro, que já teve as datas confirmadas pelo Ministério do Desenvolvimento Social.

A seguir vamos conferir qual foi a mudança aplicada no programa que resultou na atualização dos pagamentos, quem tem direito a receber o Bolsa Família, o que precisa ser feito para continuar recebendo o benefício e qual é o valor pago. Confira ainda o calendário de pagamento do próximo mês.

Bolsa Família acaba de SURPREENDER beneficiários: pagamentos foram atualizados
Verifique datas e valores que serão pagos em setembro. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

O que mudou nos pagamentos atualizados do Bolsa Família?

Os pagamentos do Bolsa Família passaram por atualização em virtude das novas regras e dos novos valores que foram implementados com o retorno oficial do programa. O benefício é pago à famílias que possuem renda mensal de até R$ 218 por pessoa e que estão inscritas no Cadastro Único, com os dados corretos e atualizados e o comparecimento ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) sempre que for solicitado.

É preciso ainda cumprir com as condicionalidades, que são regras sobre saúde e educação dos beneficiários. O calendário de vacina deve estar em dia, o pré-natal precisa ser realizado pelas gestantes, assim como o acompanhamento do estado nutricional das crianças pequenas, sendo necessário também manter a frequência escolar dentro da média para os estudantes.

O pagamento passou por atualização e agora o valor que cada núcleo recebe depende das pessoas que compõem a família. O valor mínimo é fixo, de R$ 600, sendo que existem os adicionais de R$ 150 para cada criança que tenha até 6 anos de idade e de R$ 50 para mulheres grávidas, aquelas que estão amamentando, bem como para quem tem entre 7 e 18 anos de idade.

A fiscalização em torno das informações dos beneficiários foi intensificada, o intuito é combater fraudes de quem recebe o benefício sem atender aos critérios do programa. Dessa forma, a cada mês o Ministério do Desenvolvimento Social exclui cadastros irregulares e inclui novas famílias na folha de pagamento.

Veja também: Quase 100 mil FAMÍLIAS são suspensas do Bolsa Família 2023: descubra se você foi AFETADO

Calendário do benefício de setembro

A parcela do mês de agosto terá os repasses finalizados no dia 31, com isso a expectativa recaí sobre o mês de setembro. Os pagamentos do Bolsa Família seguem atualizados no próximo mês, acontecendo nos últimos dias e seguindo o último dígito do Número de Identificação Social (NIS).

As datas costumam ser unificadas em municípios que estão oficialmente em estado de emergência ou calamidade pública por causa de desastres naturais, como enchentes, desabamentos e vendavais. Aqueles com o pagamento previsto para a segunda-feira vão receber no sábado anterior. O valor é depositado em conta poupança social digital do Caixa Tem.

NIS 1: 18/09;
NIS 2: 19/09;
NIS 3: 20/09;
NIS 4: 21/09;
NIS 5: 22/09;
NIS 6: 25/09;
NIS 7: 26/09;
NIS 8: 27/09;
NIS 9: 28/09;
NIS 0: 29/09.

Veja também: Beneficiários do Bolsa Família são CONVOCADOS para comparecer no CRAS