Bolsa Família com parcelas de um SALÁRIO MÍNIMO? Entenda a proposta!

Projeto de Lei quer que as parcelas do Bolsa Família atinjam o valor de um salário mínimo para grupo específico

Parcelas de um salário mínimo no Bolsa Família? O Governo Federal espera que o Bolsa Família volte a ser pago novamente até meados de março. Até lá, valerá o Auxílio Brasil, criado  pelo governo Jair Bolsonaro (PL) em 2021. No entanto, para mantê-los, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) assinou uma medida provisória para que fosse possível manter o valor dos benefícios em 600 reais em 2023. No entanto, a quantia pode ser ainda maior para determinados grupos.

Bolsa Família com parcelas de um SALÁRIO MÍNIMO? Entenda a proposta!
Projeto de Lei quer que as parcelas do Bolsa Família atinjam o valor de um salário mínimo para grupo específico Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Bolsa Família pode pagar parcelas de um salário mínimo?

O governo Lula havia prometido reiniciar o Bolsa Família para um terceiro mandato e esperava cumprir essa promessa até o primeiro trimestre deste ano.  O Bolsa Família é uma marca social fortemente associada ao governo do PT, fazendo com que a mudança de nome seja de natureza política. Mas isso não é tudo. A mudança também traz algumas novidades para as famílias de baixa renda.

Veja também: Auxílio Brasil vai CONTINUAR no próximo mês? Entenda a proposta de Lula

A primeira é a determinação do valor de R$ 600 para o ano todo. No Auxílio Brasil, esse valor é temporário e terminaria em dezembro de 2022. O valor inicial do benefício era de 400 reais, então era necessário mais dinheiro para pagar um maior valor dos benefícios para todos os envolvidos.

Outra novidade é o bônus adicional de 150 reais para crianças de até 6 anos. Isso pode fazer com que o Bolsa Família chegue ao valor de 750 reais por mês. Mas essas mudanças podem ser ainda mais atraentes financeiramente, já que o Bolsa Família poderia alcançar um salário mínimo para o grupo indígena.

Como funciona o bônus do Bolsa Família?

Além do adicional de R$ 150 para crianças de até 6 anos, outro adicional foi aprovado pelo Bolsa Família e equivale a um salário mínimo. Trata-se do Projeto de Lei 2956/22 do deputado Carlos Henrique Gaguim (União-TO).

No projeto, o deputado menciona que o  Auxílio Brasil tem valor inicial de  400 reais e inclui um adicional de  200 reais, o que é descrito como um benefício excepcional. Incluindo isso, o valor total do programa no ano passado e 2023 foi de R$ 600.

A exigência de Gaguim no projeto de lei é  que os benefícios temporários ultrapassem R$ 200 e sejam o suficiente para alcançar ao salário mínimo do país. No entanto, esta adição só se aplicaria às famílias indígenas.

Como posso entrar em contato com o Bolsa Família?

Para contatar a Central de Relacionamento do Bolsa Família, basta discar o número 121. Sua família precisa de um telefone fixo ou celular para fazer a chamada, que é gratuita. Basta digitar o número do seu CPF ou Número de Identificação Social (NIS) para iniciar o atendimento.

As informações sobre cartões, saques e serviços estão disponíveis no Atendimento da Caixa Econômica Federal pelo número 111. Além disso, os beneficiários podem consultar pela internet, pelo aplicativo Caixa Tem ou pelo aplicativo do Auxílio Brasil.

Veja também: Afinal, Lula vai mesmo PERDOAR a DÍVIDA do empréstimo consignado do Auxílio Brasil? Entenda!