Benefício Emergencial (BEm): Tire suas dúvidas sobre esse Programa do Governo Federal!

Vinicius ColaresVinicius Colares
Atualizado Hoje!

Benefício Emergencial (BEm) – Saiba tudo sobre o programa criado para preservar empregos e garantir a saúde econômica no país!

Muitas pessoas estão pesquisando sobre as melhores opções de benefícios do Governo Federal. Para isso é importante ficar atento para todos os seus direitos durante a pandemia do novo coronavírus e uma opção interessante é o Benefício Emergencial (BEm). 

Essa é uma ação disponibilizada pelo Governo justamente pensando em quem está passando por dificuldades em sua vida profissional graças ao Covid-19. Esse benefício é justamente para facilitar a vida de quem trabalha mas teve algum tipo de acordo. 

Confira a seguir mais informações e fique atento para todos os seus direitos. Mantenha-se informado e tire todas as principais dúvidas de familiares e amigos que também estão querendo saber como funciona esse programa. 

Benefício Emergencial (BEm)
Imagem: Divulgação

O que é BEm

Primeiramente, o que é o BEm? O nome completo do programa é Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e Renda e é uma ação do Governo Federal com a intenção de diminuir os impactos econômicos da pandemia. 

Auxílio Emergencial, PIS/Pasep, INSS e FGTS: Saiba o que você pode Receber!

Essa ação pode garantir até um salário mínimo dependendo do valor que o trabalhador recebia antes do acordo. Por isso é importante ficar ligado para conseguir ter esse acréscimo de renda por tempo determinado. 

Como funciona Benefício Emergencial 

Mas e como funciona o Benefício Emergencial? Ao contrário do que muitos pensam, esse não é um valor disponibilizado como o Auxílio Emergencial. Essa ajuda é disponibilizada para trabalhadores com carteira assinada que fizeram acordo de acordo com a Medida Provisória (MP) 936/2020. 

Essa medida é aquela que garante a possibilidade de acordo de suspensão temporária do contrato de trabalho ou de redução proporcional da jornada e do salário. Portanto, quem estiver trabalhando e fazer um desses acordos poderá contar com o BEm. 

Como receber o BEm

E afinal, como receber o Benefício Emergencial? É necessário alguma solicitação? Não, grande parte deste serviço é dado ao empregados. É ele que deverá solicitar o BEm através do Ministério da Economia. 

Para solicitar o Benefício Emergencial os trabalhadores só devem informar qual é a conta que pretendem receber os valores (na Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil). Se o trabalhador não possui nenhum dos dois bancos será feita uma conta para ele. 

O saque do BEm pela Poupança Digital da Caixa acontecerá automaticamente pelo Governo, não sendo necessária solicitação por parte do trabalhador. 

Acompanhar Benefício Emergencial

E como acompanhar o Benefício Emergencial? Existe alguma ferramenta para isso? Sim! É possível que o trabalhador fique atento para o encaminhamento do BEm através do aplicativo da Carteira de Trabalho. 

Ou seja, você deve baixar o aplicativo CTPS Digital (em celular Android ou iOS) para acompanhar o BEm. O usuário poderá encontrar mais detalhes sobre essa auxílio específico na seção ‘Benefícios’. 

Como calcular o valor do BEm

E finalmente, como calcular o Benefício Emergencial? A boa notícia é que você não precisa quebrar muito a cabeça para conseguir saber exatamente qual é o valor que você poderá receber. 

Isso porque uma calculadora do Benefício Emergencial está disponível no site da Confederação Nacional da Indústria (CNI). É possível conferir um simulador do BEm diretamente no portal da Indústria pelo site: http://www.portaldaindustria.com.br/canais/industria-contra-covid-19/impacto-economico/#anchor-simulador

O site garante uma calculadora para simular o pagamento com base nos três últimos salários do trabalhador e no percentual de redução. Já os trabalhadores intermitentes deverão receber o valor de R$ 600,00 sem precisar fazer cálculos. 

Confira também o Auxílio Merenda em Casa: Benefício pode chegar a R$ 165,00!

 

Leia Também