- Publicidade -

Beneficio de R$600 terá pagamentos em 2022: Grupo terá direito a 6 parcelas mensais e consecutivas

O objetivo é reduzir os impactos econômicos e sociais causados pela pandemia.

0

Está confirmado para o próximo ano o pagamento de 6 parcelas referente ao auxílio.  Este novo pagamento será para as famílias em situação de pobreza, extrema pobreza , assim como insegurança social do país.

- Publicidade -

O objetivo é reduzir os impactos econômicos e sociais causados pela pandemia.

Conforme informações, o valor de R$ 600 será pago em seis parcelas mensais e seguidas de R$ 100.

Quer saber mais?  Confira!

Beneficio de R$600 terá pagamentos em 2022: Grupo terá direito a 6 parcelas mensais e consecutivas
Benefício de R$ 600 será pago aos que cumprirem os requisitos. Imagem: Agência Brasil/Marcello Casal Jr.

- Publicidade -

Beneficio de R$600 terá pagamentos em 2022: Grupo terá direito a 6 parcelas mensais e consecutivas

O benefício será pago da seguinte forma:

  • R$ 100 mensais por família que tenha algum estudante matriculado na rede municipal de educação.  Este benefício será pago até que seja regularizada a oferta da alimentação escolar;
  • R$ 600 por família em situação de pobreza, isto é, que tenha renda mensal familiar per capita de R$ 89,01 a R$ 178.  Será pago em 6 parcelas mensais e seguidas de R$ 100;
  • R$ 1.200 por família em situação de extrema pobreza, isto é, com renda mensal familiar de até R$ 89, disponibilizado em 6 parcelas mensais e seguidas de R$ 200.

- Publicidade -

O que é necessário para recebimento do auxílio de R$600?

Ademais, também poderão receber aqueles que estiverem em situação de pobreza ou extrema pobreza ou que possuam dependentes matriculados na rede de educação municipal.

O Governo Federal anunciou que inicialmente será pago apenas para as pessoas acima citadas, mas que há a pretensão de estender o benefício para outras pessoas.

- Publicidade -

Veja também:  Bolsa Auxílio para Estudantes do Ensino Médio 2022: Programa Todo Jovem na Escola paga R$ 150 mensais; Como receber e quem tem direito

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais