- Publicidade -

Benefício Compensatório do Novo Bolsa Família: Veja quem vai receber e como é feito o cálculo

Entenda como serão os pagamentos de quem vai receber menos através do Auxílio Brasil: saiba o que é o Benefício Compensatório!

- Publicidade -

Os meses de outubro e novembro vão ser agitados para o Ministério da Cidadania e o Governo Federal. A aprovação do Novo Bolsa Família está trazendo muitas dúvidas para a população. Entre elas, muitos querem saber mais sobre o Benefício Compensatório do Auxílio Brasil

Entenda como vai funcionar essa função do pagamento e saiba quem vai poder receber os benefícios. Confira todos os detalhes sobre o que foi definido no projeto aprovado. 

Benefício Compensatório do Novo Bolsa Família Veja quem vai receber e como é feito o cálculo
Benefício Compensatório do Novo Bolsa Família: Veja quem vai receber e como é feito o cálculo. / Imagem: Diário do Nordeste.

Receber menos no Auxílio Brasil – Como funciona

- Publicidade -

O mês de novembro vai marcar uma das maiores transições entre programas do Governo Federal dos últimos anos. A mudança entre Bolsa Família e Auxílio Brasil vai afetar os ganhos de milhões de brasileiros. 

A maioria deve receber valores mais altos, mas alguns beneficiários devem receber menos no Auxílio Brasil em 2021. Isso acontece porque as regras de pagamentos vão mudar um pouco, com categorias diferenciadas. 

Como saber quanto vou receber do Auxílio Brasil?

O Governo Federal ainda não definiu os valores fixos para cada pessoa, mas isso deve acontecer em novembro. O que vai valer será o pagamento mais alto: por exemplo, se a pessoa recebia R$ 89 de Bolsa Família, mas no Auxílio Brasil tem direito a R$ 150, vale o último; se a pessoa recebia R$ 250 no Bolsa Família, mas no novo programa só tem direito a R$ 150, vale o primeiro. 

- Publicidade -

Outro ponto importante: o Governo Federal afirmou que em 2021 o pagamento mínimo do Auxílio Brasil será de R$ 400. Por isso é provável que a maioria dos beneficiários do Bolsa Família passem a receber esse valor. 

Como vai funcionar Auxílio Brasil 

Confira alguns dos benefícios que vão somar nos pagamentos de quem já recebia o Bolsa Família:

  • Auxílio Esporte Escolar: bolsa para estudantes com idades entre 12 e 17 anos incompletos que se destacarem em competições oficiais do sistema de jogos escolares brasileiros;
  • Auxílio Inclusão Produtiva Urbana: para quem comprovar vínculo de emprego formal receberá o benefício;
  • Bolsa de Iniciação Científica Júnior: para estudantes com bom desempenho em competições acadêmicas e científicas – pagamentos em 12 parcelas;
  • Auxílio Criança Cidadã: para responsável que possui criança de zero a 48 meses incompletos na família e que não encontre vaga em creches públicas ou privadas da rede conveniada;
  • Auxílio Inclusão Produtiva Rural: aos agricultores familiares inscritos no Cadastro Único (pago por até 36 meses);

- Publicidade -

Veja Também: Quem recebe o Auxílio Emergencial vai receber o Auxílio Brasil? Veja quem tem direito ao benefício

Benefício Compensatório de Transição Auxílio Brasil 

Mas e se eu for receber menos no novo programa, o que acontece? É aqui que entra o Benefício Compensatório de Transição do Auxílio Brasil, uma novidade do programa. 

O que é o benefício compensatório do novo Bolsa Família? Ele é um adicional que irá adicionar ao valor do Auxílio Brasil o que falta para ficar igual aos pagamentos anteriores do Bolsa Família. 

- Publicidade -

Como fazer cálculo do Benefício Compensatório Auxílio Brasil

Um exemplo:

  • Se uma família recebia R$ 200 no Bolsa Família e agora terá direito a apenas R$ 110 no Auxílio Brasil, ela vai receber R$ 90 de benefício compensatório para chegar ao valor antigo. 

Isto é, o benefício compensatório é para famílias que perderem parte do valor recebido em decorrência do enquadramento no Auxílio Brasil.

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais