BARRIGA roncou? Nem sempre o barulho é sinal de FOME, saiba o que pode significar

Muitas vezes a nossa barriga de forma repentina e em algumas vezes esse barulho vem acompanhado de outros sintomas, que devem ser avaliados com cautela. Confira o que significam os roncos estomacais!

É bastante comum ouvir as pessoas se queixando que a sua barriga está fazendo barulho. Em grande parte das vezes, quando o estômago ronca, associa-se que a pessoa está com fome. No entanto, esse não é o único motivo que pode fazer com que o órgão faça barulho. 

Apesar de parecer normal escutar o estômago fazendo barulho devido às contrações musculares do órgão que causam o famoso ruído, que é popularmente conhecido como “barriga roncando”, é necessário estar atento às causas. Isso porque nem sempre a causa do problema é a necessidade de se alimentar. 

Dessa forma, confira a seguir quais são os principais motivos que podem fazer com que a sua barriga ronque!

Fatores que podem ser responsáveis por provocar os roncos estomacais. Foto: divulgação

O que pode fazer com que a sua barriga ronque?

Gases 

Os alimentos e bebidas gaseificados são responsáveis por aumentar a formação de gases e também os movimentos peristálticos do intestino, o que pode acabar causando barulhos. No entanto, é importante enfatizar que os barulhos, nesse caso, caso sejam eliminados rapidamente, não são preocupantes. 

Síndrome do intestino irritável 

O distúrbio em questão pode provocar contrações em excesso após a ingestão de alimentos gordurosos ou momentos estressantes. Dessa forma, além de provocar o ronco, ainda pode causar dores e diarreia. 

Inflamações gastrointestinais 

As inflamações gastrointestinais se caracterizam enquanto uma irritação na mucosa do intestino que pode causar cólicas leves a moderadas. 

Obstrução intestinal 

Caso o ronco no estômago esteja vindo devido a algo está bloqueando o funcionamento do intestino, os alimentos e as fezes não conseguem se mover. Com isso, a situação pode ser uma emergência, caso ocorra o bloqueio total do órgão. Nesse caso, o barulho ainda pode ser acompanhado de inchaços da barriga, náuseas ou dores. 

Intolerância alimentar

Algumas pessoas são intolerantes a alguns alimentos específicos, como laticínios, glúten e leguminosas (como o feijão), assim como alimentos ricos em fibras. Dessa forma, quando ingerem esse tipo de alimento, o barulho pode ser ocasionado. 

Hérnia

O ronco também pode surgir nos casos onde aparece uma parte do intestino para fora da parede abdominal. Quando essa situação ocorre, ela costuma ser acompanhada de dor, inchaço, náuseas e cólicas.

Confira também: Truque para AUMENTAR MUITO as chances de ganhar na Mega-Sena é finalmente REVELADO: você PRECISA saber dessa dica

Formas de evitar os roncos estomacais 

De acordo com as informações enfatizadas pelos especialistas, os roncos podem ser normais. No entanto, caso não sejam eliminados dentro de 48 horas, é necessário realizar um exame médico físico para que a região abdominal seja avaliada. Além disso, algumas medidas podem auxiliar a prevenir que as dores e os barulhos apareçam. 

Dessa forma, para evitar os barulhos, é necessário consumir a quantidade de água adequada para o seu corpo diariamente e também comer devagar e evitar longos períodos em jejum. Ainda é preciso evitar o consumo excessivo de alimentos ácidos, cítricos, gordurosos e ricos em açúcares, que por si só já aumentam os ruídos estomacais. 

Saiba mais: Anvisa emite NOVO ALERTA para brasileiros sobre os MEDICAMENTOS; é preciso ter muito cuidado!