Banco do Brasil e o REPASSE mínimo de R$ 117; você pode ter direito e não sabe

O Banco do Brasil começa a liberação do abono salarial PASEP, oferecendo um suporte financeiro significativo para os servidores públicos. Trabalhadores da iniciativa privada recebem o PIS.

O Banco do Brasil anuncia a liberação do abono salarial PASEP, variando de R$ 117,67 a R$ 1.412, para cidadãos que se enquadram nos critérios.  

Este artigo visa esclarecer quem tem direito a esse benefício, como e onde receber o valor e explorar outros auxílios disponibilizados pelo governo. 

Vale mencionar que os brasileiros também podem receber o PIS, pela Caixa. Confira os critérios. 

Banco do Brasil e o REPASSE mínimo de R$ 117; você pode ter direito e não sabe
Banco do Brasil vai fazer repasse de R$ 117 aos brasileiros – Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Banco do Brasil libera abono salarial: uma oportunidade de ouro para brasileiros

Em uma movimentação financeira significativa, o Banco do Brasil começou a liberar o abono salarial PASEP, variando de R$ 117,67 a R$ 1.412, para servidores públicos. 

Enquanto isso, a Caixa oferece o PIS, destinado aos trabalhadores de carteira assinada. Ambos possuem as mesmas regras de recebimento. 

Tudo que você precisa saber sobre o abono salarial

O abono salarial é um benefício concedido a trabalhadores de empresas privadas e servidores públicos, com o intuito de integrá-los ainda mais na economia do país. 

A quantia recebida varia conforme os meses trabalhados no ano-base, seguindo uma tabela progressiva que vai de R$ 117,67 (um mês trabalhado) a R$ 1.412 (doze meses trabalhados).

Quem tem direito?

Para ser elegível ao PIS/PASEP, os trabalhadores devem estar cadastrados há pelo menos cinco anos no programa, ter recebido remuneração mensal média de até dois salários mínimos durante o ano-base e ter exercido atividade remunerada por pelo menos 30 dias, consecutivos ou não.

Qual é o valor do abono salarial do Banco do Brasil?

Vale mencionar que tanto a Caixa, quanto o Banco do Brasil pagam o mesmo valor de abono salarial. Confira a tabela, de acordo com os meses trabalhados em 2022. 

  • 1 mês trabalhado: R$ 117,67;
  • 2 meses trabalhados: R$ 235,34;
  • 3 meses trabalhados: R$ 353,01;
  • 4 meses trabalhados: R$ 470,68;
  • 5 meses trabalhados: R$ 588,35;
  • 6 meses trabalhados: R$ 706,02;
  • 7 meses trabalhados: R$ 823,69;
  • 8 meses trabalhados: R$ 941,36;
  • 9 meses trabalhados: R$ 1.059,03;
  • 10 meses trabalhados: R$ 1.176,70;
  • 11 meses trabalhados: R$ 1.294,37;
  • 12 meses trabalhados: R$ 1.412,00.

Veja também: Abono salarial de março pode PAGAR até R$ 1,4 mil para brasileiros que já assinaram a carteira de trabalho

Calendário do PIS/Pasep: saiba quando você poderá sacar o benefício

A Caixa paga o PIS conforme a data de aniversário do beneficiário. Confira. 

  • Nascidos em janeiro já podem sacar o pagamento desde 15/02/2024;
  • Nascidos em fevereiro já podem sacar o pagamento desde 15/03/2024;
  • Nascidos em março e abril poderão sacar o pagamento a partir de 15/04/2024;
  • Nascidos em maio e junho poderão sacar o pagamento a partir de 15/05/2024;
  • Nascidos em julho e agosto poderão sacar o pagamento a partir de 17/06/2024;
  • Nascidos em setembro e outubro poderão sacar o pagamento a partir de 15/07/2024;
  • Nascidos em novembro e dezembro poderão sacar o pagamento a partir de 15/08/2024.

Enquanto isso, o Banco do Brasil leva em consideração o último algarismo do número de inscrição para pagar o Pasep. Veja. 

  • Quem tem o final 0 já pode sacar o pagamento desde 15/02/2024
  • Quem tem o final 1 já pode sacar o pagamento desde 15/03/2024
  • Quem tem o final 2 ou 3 poderá sacar o pagamento a partir de 15/04/2024
  • Quem tem o final 4 ou 5 poderá sacar o pagamento a partir de 15/05/2024
  • Quem tem o final 6 ou 7 poderá sacar o pagamento a partir de 15/06/2024
  • Quem tem o final 8 poderá sacar o pagamento a partir de 15/07/2024
  • Quem tem o final 9 poderá sacar o pagamento a partir de 15/08/2024.

Veja também: Abono salarial e o SAQUE de R$ 1,4 mil confirmados neste mês; saiba tudo

Seguro-Desemprego 2024 e suas novidades

Os beneficiários do seguro-desemprego em 2024 terão valores atualizados, variando de R$ 1.412 a R$ 2.313,74, com o reajuste baseado no INPC de 3,71% e no aumento do salário mínimo. Para calcular o benefício, considera-se o salário médio dos últimos três meses antes da demissão, garantindo que o valor não seja inferior ao salário mínimo vigente.

Trabalhadores com salários médios acima de R$ 3.402,65 receberão o valor máximo estipulado. O seguro-desemprego é direcionado a trabalhadores dispensados sem justa causa, incluindo domésticos, pescadores profissionais durante o defeso, e outros casos específicos. Não é permitida a acumulação com outros benefícios trabalhistas.

A duração do benefício varia conforme o tempo de trabalho, e sua solicitação pode ser feita digitalmente através do aplicativo da Carteira de Trabalho Digital, pelo portal www.gov.br, ou presencialmente, após agendamento. É necessário apresentar o documento de requerimento do seguro-desemprego e o número do CPF.