ATUALIZAÇÕES sobre o salário mínimo, gasolina e Auxílio Brasil: o que esperar?

Promessa de mudanças após as eleições

As eleições brasileiras ocorreram no dia 31 de outubro e o novo presidente eleito é Luis Inácio Lula da Silva, que se tornou presidente da república pela terceira vez. Com isso, algumas pessoas estão se perguntando como ficará a situação do salário mínimo, Auxílio Brasil e gasolina.

Os especialistas vem estudando quais são as possíveis previsões para o próximo ano. Dessa forma, confira a seguir o que as pesquisas tem a dizer sobre como ficarão as questões economicas para o próximo ano.

Saiba o que pode mudar nos benefícios em 2023. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

O que esperar para o ano que vem?

Durante o período eleitoral, os dois candidatos fizeram diversas promessas para os próximos anos. O presidente eleito, Luis Inácio (PT), disse que ia acabar com a fome no país e também com a miséria, ele também ressaltou que iria criar novos empregos, além de aumentar o salário mínimo com o intuito de garantir o poder de compra dos trabalhadores brasileiros.

No entanto, os especialistas ressaltam que o petista pode enfretar um cenário adverso no próximo ano. Isso porque o presidente vai se deparar com o crescimento avançado da inflação global e também com a redução do orçamento para o poder executivo. Esses fatores vão dificultar as aplicações e políticas que possam gerar o aumento de renda para as famílias e também a criação de empregos.

Dessa forma, os pontos mais discutidos entre os braisleiros sobre o que pode vir a acontecer no próximo ano são os seguintes:

Saiba mais: Eleições 2020: CANDIDATOS com mais de R$ 300 mil em Patrimônio QUE RECEBERAM AUXÍLIO EMERGENCIAL! Confira a LISTA da sua CIDADE

1. Salário mínimo

O atual presidente prometeu durante a corrida eleitoral que o salário deveria ficar acima da inflação para que os brasileiros possam ter uma melhor qualidade de vida. Para que isso ocorra, o senador Wellington Dias, que fez parte da campanha de Lula, prometeu incluir a regra da correção do piso nacional o crescimento médio do Produto Interno Bruto (PIB) de cinco anos atrás, o que pode resultar em 2% em 2023.

Os analistas revelam que ainda não está claro de onde sairá o dinheiro para pagar o aumento do salário.

2. Auxílio Brasil

O presidente Lula prometeu que irá aumentar o valor do Auxílio Brasil para R$ 600 e também pagará R$ 150 a mais para famílias com crianças até seis anos de idade. O objetivo é atualizar o programa e retormar o nome do Bolsa Família.

Os especialistas apontam que a possibilidade do aumento existe, mas que será um grande desafio orçamentário.

3. Gasolina

O preço dos combustíveis pode continuar aumentando no começo do governo Lula, isso se dá devido ao fim do teto do ICMS em dezembro, que está atrelado à defasagem acumulada.

Os economistas revelam, ainda, que não há mais espaço orçamentário em 2023 para manter o imposto de renda abaixo do valor no qual se encontra hoje, entre 17% e 18%. Além disso, uma nova redução provavelmente não terá o apoio do Congresso Nacional.

Confira também: Cidadãos deixarão de receber as parcelas do Auxílio Brasil durante as eleições 2022? Entenda!