Atualização de março do WhatsApp pode pegar todos os usuários de SURPRESA; confira a novidade

Descubra as mudanças transformadoras anunciadas pelo WhatsApp em março, incluindo um novo método de autenticação e melhorias na usabilidade que prometem elevar sua experiência de usuário a um novo patamar.

À medida que avançamos pela metade de março, o WhatsApp, aplicativo de mensagens com bilhões de usuários globalmente, lança atualizações significativas visando ajustar-se às demandas do mercado.

Em fevereiro, recursos como a busca de mensagens por data e o envio de fotos e vídeos em alta resolução foram introduzidos, refletindo o compromisso contínuo da plataforma em aprimorar a experiência do usuário.

Atualização de março do WhatsApp pode pegar todos os usuários de SURPRESA; confira a novidade
Atualização do WhatsApp. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Novidades de Março:

Para março, o foco amplia-se, especialmente para usuários de dispositivos Android, com destaque para um novo método de autenticação que promete tornar o acesso ao aplicativo mais seguro e conveniente.

  • Novo Método de Autenticação: Revelado pelo WABetaInfo, a Meta testa chaves de acesso como uma nova forma de verificação de identidade. Diferente das tradicionais senhas, essas chaves utilizam dados biométricos ou métodos de desbloqueio do dispositivo.
  • Tela de Informações de Chat para Chats de Terceiros: Uma funcionalidade voltada para conversas originadas de aplicativos de terceiros, melhorando a identificação de onde o chat se originou.
  • Janelas de Bate-Papo Separadas para Windows: Na versão 2.24.0.790, espera-se a introdução de janelas de bate-papo separadas, permitindo visualizar dois chats simultaneamente.

Como o novo método de autenticação do WhatsApp afeta a segurança do usuário?

O novo método de autenticação introduzido pelo WhatsApp, focado no uso de chaves de acesso que incluem dados biométricos como impressão digital e reconhecimento facial, ou métodos de desbloqueio do dispositivo como PIN, senha ou padrão, representa um avanço significativo na segurança do usuário por várias razões:

1. Aumento da Segurança Individual:

Dados biométricos são únicos para cada indivíduo, tornando muito mais difícil para um ator mal-intencionado ganhar acesso não autorizado à conta do usuário. Ao invés de depender de senhas que podem ser adivinhadas, roubadas ou hackeadas, a autenticação biométrica garante que somente o proprietário legítimo do dispositivo possa desbloquear o acesso ao WhatsApp.

2. Proteção Contra Phishing e Ataques de Engenharia Social:

Os métodos de autenticação baseados em biométrica reduzem o risco de ataques de phishing, onde os usuários são enganados para revelar suas senhas ou informações de segurança. Como os dados biométricos não podem ser facilmente compartilhados ou duplicados, eles oferecem uma camada de proteção adicional contra esse tipo de ameaça.

3. Conveniência sem Comprometer a Segurança:

Além de oferecer uma segurança reforçada, a autenticação biométrica é extremamente conveniente. Os usuários podem acessar rapidamente suas mensagens sem a necessidade de lembrar e inserir senhas complicadas, mantendo ao mesmo tempo um alto nível de segurança.

4. Adaptação às Tecnologias Modernas de Dispositivos:

A maioria dos dispositivos modernos já vem equipada com sensores biométricos, o que facilita a implementação e adoção desse tipo de autenticação pelos usuários. O WhatsApp está, portanto, alinhando-se com as tendências tecnológicas atuais para maximizar a segurança e a usabilidade.

5. Prevenção contra Acesso Não Autorizado em Caso de Perda ou Roubo:

Caso o dispositivo do usuário seja perdido ou roubado, a autenticação biométrica pode ajudar a prevenir o acesso não autorizado ao aplicativo. Sem a capacidade de replicar as características biométricas do usuário, os invasores encontram uma barreira significativa para acessar informações privadas.

Veja também: WhatsApp BLOQUEOU prints no app? Entenda a polêmica e a alteração

As atualizações de março estarão disponíveis para usuários de iOS em breve?

As informações específicas sobre a disponibilidade das atualizações de março do WhatsApp para usuários de iOS não foram mencionadas no texto.

No entanto, é comum que o WhatsApp lance atualizações tanto para usuários de Android quanto de iOS, embora possa haver um intervalo entre os lançamentos para as diferentes plataformas.

Geralmente, a equipe do WhatsApp trabalha para garantir que novos recursos e melhorias sejam acessíveis a todos os usuários, independentemente do sistema operacional do dispositivo.

Para saber exatamente quando as atualizações estarão disponíveis para iOS, é recomendável acompanhar os canais oficiais de comunicação do WhatsApp, como o blog oficial e as redes sociais, além da App Store, onde as notas de lançamento das novas versões do aplicativo são detalhadas.

Essas fontes oferecem informações atualizadas sobre lançamentos de recursos e atualizações, incluindo a disponibilidade para diferentes sistemas operacionais.

Veja também: Recurso do WhatsApp é INOVADOR e pode lhe interessar; consulte a novidade

As chaves de acesso substituirão completamente as senhas tradicionais no WhatsApp?

O texto não especificou se as chaves de acesso introduzidas pelo WhatsApp substituirão completamente as senhas tradicionais.

No entanto, na indústria de tecnologia, a tendência é que métodos de autenticação mais seguros e convenientes, como biometria e chaves de acesso, se tornem mais prevalentes, oferecendo alternativas ou complementos às senhas tradicionais.

As chaves de acesso, especialmente quando baseadas em autenticação biométrica ou outros métodos seguros, proporcionam várias vantagens em termos de segurança e usabilidade, o que pode levar a uma redução na dependência de senhas tradicionais.

No entanto, muitas plataformas optam por manter múltiplas opções de autenticação para acomodar diferentes preferências de usuários e necessidades de segurança.

Portanto, mesmo que as chaves de acesso possam se tornar um método preferencial de autenticação para muitos usuários do WhatsApp, é possível que as senhas tradicionais continuem disponíveis como uma opção alternativa ou como parte de um sistema de autenticação multifatorial.

Veja também: Novo recurso do WhatsApp pode FACILITAR sua vida; veja como usar