ANTIGOS cartões telefônicos podem ser vendidos por até R$ 2 mil; você ainda tem algum guardado?

Apesar de sua era ter passado, os cartões telefônicos despertam o interesse de colecionadores ao redor do mundo, transformando-se de objetos obsoletos em itens de valor.

Na transição das décadas de 1970 e 1980, os cartões telefônicos emergiram como um marco na evolução da comunicação global, facilitando o uso de telefones públicos com uma alternativa prática e segura ao dinheiro em espécie.

Com a revolução tecnológica e a ascensão dos smartphones, esses cartões foram gradativamente deixados de lado, até se tornarem peças de um passado distante para a maioria das pessoas.

ANTIGOS cartões telefônicos podem ser vendidos por até R$ 2 mil; você ainda tem algum guardado
Você pode conseguir até R$ 2 mil reais que tiver um cartão. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

A Ascensão e Queda dos Cartões Telefônicos

Introduzidos como uma solução inovadora para pagamentos de chamadas telefônicas, os cartões com faixa magnética ou chip embutido rapidamente se popularizaram.

Contudo, o avanço dos celulares e a democratização dos planos de dados móveis reduziram drasticamente a necessidade desses cartões e dos próprios telefones públicos, levando a uma diminuição acentuada em sua utilização e, eventualmente, à sua obsolescência.

O Valor nas Memórias e na História

Para os entusiastas e colecionadores, no entanto, os cartões telefônicos transcendem sua funcionalidade original. Eles representam uma cápsula do tempo, preservando momentos históricos, culturais e geográficos.

Muitos cartões são adornados com imagens que capturam paisagens, monumentos e figuras importantes, oferecendo uma janela visual para diferentes épocas e lugares.

Coleção: Um Hobby Lucrativo

Além do valor sentimental e histórico, colecionar cartões telefônicos pode se revelar um investimento lucrativo. Cartões raros, especialmente aqueles com erros de impressão ou edições limitadas, são altamente cobiçados e podem valer pequenas fortunas.

Entre os mais valiosos, encontram-se aqueles com defeitos de produção únicos, que podem ser vendidos por até R$2000 ou mais, dependendo de sua raridade e estado de conservação.

Veja também: Polêmica dos CARTÕES cancelados do Itaú preocupa clientes; saiba tudo sobre a polêmica

Quais são os erros de produção mais comuns que aumentam o valor dos cartões?

Os erros de produção em cartões telefônicos (e em outros itens colecionáveis) que tendem a aumentar seu valor incluem:

1. Erros de Impressão

  • Desalinhamento: Quando a imagem ou o texto estão deslocados do lugar pretendido, criando uma aparência descentralizada ou inclinada.
  • Cores Incorretas ou Ausentes: Erros na aplicação das cores, incluindo cores trocadas, ausência de uma ou mais cores, ou cores aplicadas fora da área designada.
  • Imagens Duplas ou Borradas: Causadas por movimentos acidentais durante o processo de impressão, resultando em sobreposições ou borrões.

2. Erros de Corte

  • Corte Inclinado: Quando o cartão é cortado de maneira irregular, resultando em bordas não retas ou inclinadas.
  • Corte Deslocado: O corte que não segue corretamente as bordas do cartão, podendo revelar parte da margem branca ou cortar parte da imagem ou texto.

3. Erros no Reverso

  • Reverso Invertido: Quando o verso do cartão é impresso ao contrário, fazendo com que a imagem ou o texto apareçam de cabeça para baixo em relação à frente.
  • Reverso Trocado: Ocasionalmente, o verso de um cartão pode ser impresso com informações ou imagens que pertencem a outro cartão.

4. Erros na Faixa Magnética ou Chip

  • Posicionamento Incorreto: Erros relacionados à localização da faixa magnética ou do chip, como posicionamento deslocado ou invertido.
  • Faixa Magnética ou Chip Ausente: Casos raros em que o cartão falta completamente sua faixa magnética ou chip.

5. Edições Limitadas com Defeitos

  • Além dos erros de produção comuns, cartões de edições limitadas que apresentam qualquer um desses defeitos são particularmente valorizados devido à sua raridade aumentada.

Veja também: Essas moedas de 10 centavos podem te tornar RICO: vasculhe seu cofrinho!

Onde posso vender ou comprar cartões telefônicos raros?

Para vender ou comprar cartões telefônicos raros, você pode explorar diversas plataformas e locais especializados em colecionáveis. Aqui estão algumas opções populares entre colecionadores:

1. Mercados Online Especializados

  • eBay: Uma das maiores plataformas de comércio eletrônico do mundo, o eBay tem uma vasta seção dedicada a colecionáveis, incluindo cartões telefônicos raros.
  • Delcampe: Especializado em colecionáveis, Delcampe reúne vendedores e compradores de todo o mundo interessados em itens como selos, moedas e, claro, cartões telefônicos.

2. Feiras de Colecionadores e Leilões

  • Feiras de Colecionadores: Eventos presenciais, muitas vezes organizados em níveis local, regional ou nacional, onde você pode encontrar, comprar e vender cartões telefônicos diretamente com outros colecionadores.
  • Casas de Leilão: Algumas casas de leilões realizam vendas dedicadas a colecionáveis, onde itens raros e valiosos, como cartões telefônicos, podem ser adquiridos.

3. Grupos e Fóruns na Internet

  • Redes Sociais e Grupos Especializados: Plataformas como Facebook, Reddit e fóruns dedicados a colecionadores podem ser excelentes lugares para encontrar outros entusiastas, fazer negócios ou trocar informações sobre cartões telefônicos raros.
  • WhatsApp e Telegram: Grupos nestes aplicativos de mensagens focados em colecionáveis podem oferecer oportunidades para compra e venda direta.

4. Lojas de Colecionáveis e Antiguidades

  • Lojas Físicas e Online: Algumas lojas especializadas em colecionáveis ou antiguidades podem ter uma seleção de cartões telefônicos raros disponíveis para venda.

5. Classificados Online

  • OLX, Mercado Livre e similares: Plataformas de classificados locais podem ser úteis para encontrar vendedores e compradores na sua região.

Veja também: Nota de 1 REAL pode valer mais de R$ 400; você ainda tem?