- Publicidade -

Ala do Governo prevê aumento do Auxílio Brasil; beneficiários receberão R$ 600?

A intenção é melhorar a imagem do presidente diante do seu eleitorado

0

Uma parte dos assessores que trabalham no Palácio do Planalto defende que o governo federal responda ainda este ano à seguinte pergunta: poderá haver um aumento do Auxílio Brasil? No depender desses assessores, a resposta é positiva.

- Publicidade -

Há alguns dias a imprensa brasileira vem publicando matérias dando conta de que auxiliares do governo têm pressionado o presidente Jair Bolsonaro no sentido de que ele promova uma nova elevação do benefício ainda nos próximos meses.

O aumento ainda não está confirmado/Divulgação.

Aumento do Auxílio Brasil pode chegar a R$ 600

A proposta defendida pelos aliados do presidente é de que o Auxílio Brasil, pago pelo Ministério da Cidadania, passe do patamar mínimo de R$ 400 para algo como R$ 600.

- Publicidade -

Como argumento, afirmam que esse é o desejo que vários setores da sociedade brasileiro têm manifestado. Ocorre que na esteira dessas publicações da imprensa, há informações de que a ideia de um reajuste encontra fortes posições contrárias.

Veja também: Auxílio Brasil tem empréstimo consignado para beneficiários? Entenda!

Principal opositor é o ministro da Economia

Por ora, o principal opositor a um aumento do benefício é justamente o Ministério da Economia. O ministro Paulo Guedes é contra a ideia de reajustar o Auxílio Brasil. De acordo com projeções realizadas pela pasta, o impacto no orçamento deste ano seria da ordem de bilhões de reais.

- Publicidade -

Para o ministro e demais técnicos do Ministério da Economia, não haveria espaço suficiente no presente orçamento capaz de cobrir um aumento dessa ordem.

Aumento do Auxílio Brasil ajudaria presidente nas pesquisas

Uma ala de aliados do presidente informa que, de qualquer forma, a ideia agrada a Bolsonaro. Afirmam que o presidente precisa conceder o aumento no Auxílio Brasil para buscar uma reação nas pesquisas de opinião a quatro meses das eleições de outubro.

De concreto, por enquanto, apenas sugestões e o benefício segue sendo de no mínimo R$ 400 por família. Na verdade, esse valor já é superior ao antigo Bolsa Família, que o Auxílio Brasil veio a substituir. Como se recorda, o programa social anterior, extinto em outubro do ano passado pagava por família um valor médio de R$ 189.

- Publicidade -

Auxílio Brasil ou subsídio aos combustíveis

Apesar da afirmação de que não há recursos suficientes no orçamento capazes de bancar um aumento no Auxílio Brasil ainda em 2022, há poucos dias o governo sinalizou a concessão de um subsídio de R$ 46,4 bilhões para os combustíveis.

A intenção seria uma tentativa de evitar novos aumentos no preço dos combustíveis, o que acabou acontecendo no último sábado.

Veja também: Salário do Auxílio Brasil: Beneficiários recebem R$ 1 mil este mês?

- Publicidade -

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia Mais