Afinal, vale a pena ANTECIPAR o FGTS? Tire todas as suas dúvidas!

Muitas pessoas pensam em solicitar o saque-aniversário do FGTS, mas não têm certeza se ele vale a pena. Entenda!

Os trabalhadores de carteira assinada podem contar com valores depositados mensalmente no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que funciona como uma poupança para momentos específicos. Apesar disso, é possível adiantar o saque do dinheiro, o que faz com que muitos fiquem em dúvida se vale ou não a pena.

Quer saber mais sobre a modalidade que permite o saque adiantado, como ela funciona e se é ou não uma boa ideia? Então continue nos acompanhando abaixo para não perder nenhum detalhe importante sobre o assunto!

Entenda como funciona o saque-aniversário e veja se vale a pena antecipar o FGTS através da modalidade!
Entenda como funciona o saque-aniversário e veja se vale a pena antecipar o FGTS através da modalidade! / Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Entenda o que é o saque-aniversário

Em 2023, o saque-aniversário continuará disponível para todos os trabalhadores que optarem por ele e para os novos segurados que quiserem ter acesso. Inclusive, essa foi a única modalidade até agora que recebeu um calendário completo para o ano que vem da Caixa Econômica.

Basicamente, a modalidade permite que aqueles que tenham interesse possam retirar, no mês em que fazem aniversário, uma parte dos valores do FGTS. Basicamente, vai depender de quanto o segurado tem disponível na conta. O segurado, no caso, tem o período de um mês para decidir se quer ter acesso ao dinheiro e, se sim, possui até dois meses subsequentes para movimentar o valor.

Apesar disso, é bom deixar claro que se trata de uma modalidade opcional, visto que ela é contrária ao saque rescisório, entregue ao trabalhador em caso de demissão. Ou seja, se o cidadão optar pela modalidade de aniversário, ao ser demitido ele não terá nem mesmo acesso à multa de 40% sobre o FGTS.

Como solicitar a modalidade

Ademais, caso o trabalhador tenha interesse em optar pela modalidade, ele precisa esperar a chegada do seu mês de nascimento. Com isso, basta baixar o app do FGTS (Android: https://bityli.com/InMQC ou iOS: https://bityli.com/giWTE). Depois, basta seguir o passo a passo abaixo:

  • Faça login com o CPF e a senha cadastrados;
  • Selecione a opção “Saque-aniversário”;
  • Leia e concorde com os termos propostos pelo aplicativo;
  • Solicite a adesão à modalidade.

Depois de optar pela opção, o segurado deverá se manter dentro da modalidade por um período mínimo de 24 meses (dois anos) antes de solicitar a mudança de volta para o saque rescisório. Portanto, é necessário pensar bem antes de escolher se quer ou não receber através dela.

Veja também: Divulgado: Confira o calendário de pagamento do FGTS em 2023

Prós e contras de optar pela modalidade do FGTS

Primeiramente, a modalidade é uma boa opção por garantir ao trabalhador um valor todos os anos, visto que o saque regular do FGTS só pode acontecer mediante algumas regras específicas. Dessa forma, é um dinheiro que pode suprir algumas urgências, visto que o cidadão já sabe quando vai recebê-la.

Entretanto, como dito anteriormente, ela tira o direito ao saque rescisório, o que pode ser um ponto negativo em caso de demissão. Portanto, se o trabalhador não tem segurança quanto à permanência no serviço, pode ser que não seja uma boa ideia.

Veja também: Trabalhadores têm menos de 5 dias para SACAR o FGTS extraordinário: não perca o prazo!