Abono Natalino CONFIRMADO para idosos? Presidente emite COMUNICADO para aposentados com NIS 1,2,3,4,5,6,7,8,9 e 0

Os brasileiros que recebem algum tipo de benefício do INSS poderão contar com o abono natalino, afirma o presidente Lula. Entenda.

Em 2024, os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) terão novamente a oportunidade de receber antecipadamente o décimo terceiro salário ou abono natalino. 

Essa medida, que se tornou uma prática comum nos últimos anos, é aguardada com expectativa por milhões de aposentados, pensionistas e outros beneficiários do INSS. 

Abono Natalino CONFIRMADO para idosos Presidente emite COMUNICADO para aposentados com NIS 1,2,3,4,5,6,7,8,9 e 0
Lula confirma novo abono natalino aos idosos do INSS – Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Quem tem direito ao adiantamento do abono natalino?

O adiantamento do décimo terceiro é destinado a quase todos os beneficiários do INSS. Isso inclui aposentados, pensionistas, pessoas que recebem auxílio-doença, auxílio-acidente, auxílio-reclusão e pensão por morte. 

A medida visa proporcionar um alívio financeiro, especialmente em momentos de maiores despesas, como no início do ano ou durante períodos de crise.

Como funciona o adiantamento?

Tradicionalmente, o abono natalino é pago em duas parcelas. A primeira metade costuma ser antecipada no meio do ano, enquanto a segunda é paga no final do ano, junto com o benefício de dezembro. 

Em 2024, espera-se que essa prática continue, proporcionando um fluxo de caixa adicional quando os beneficiários mais precisam.

A primeira parcela do décimo terceiro não sofre descontos, sendo um adiantamento líquido. 

Já a segunda parcela está sujeita à tributação do Imposto de Renda, se aplicável, dependendo do valor total recebido pelo beneficiário ao longo do ano.

Planejamento e uso do adiantamento

Receber o décimo terceiro antecipadamente é uma excelente oportunidade para colocar as finanças em ordem ou realizar projetos pessoais. 

Aqui estão algumas dicas sobre como aproveitar melhor o abono natalino. 

  • Quite dívidas: se estiver endividado, especialmente com dívidas de alto custo como o cartão de crédito ou cheque especial, considere usar parte do adiantamento para reduzir ou quitar essas dívidas.
  • Crie uma reserva de emergência: se ainda não tem, use parte do dinheiro para iniciar uma reserva de emergência. Esse fundo pode ser crucial em momentos inesperados, como em casos de saúde ou reparos urgentes em casa.
  • Invista em saúde e bem-estar: não negligencie sua saúde. Se houver procedimentos ou tratamentos adiados, o adiantamento pode ser uma boa oportunidade para cuidar de sua saúde física e mental.
  • Planeje gastos com educação: Para quem tem filhos ou netos, considerar investir em sua educação pode ser uma excelente escolha. Livros, cursos adicionais ou até uma poupança educacional são opções a ponderar.
  • Pense em investimentos: se suas dívidas estão sob controle e você já possui uma reserva de emergência, pode ser o momento de pensar em investir seu abono natalino. Consulte um especialista para encontrar as melhores opções conforme seu perfil.

Veja também: Idosos com o NIS 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, e 0 são SURPREENDIDOS com alteração no 13º salário do INSS

Procedimentos para o recebimento

O adiantamento do décimo terceiro é automático para quem tem direito ao benefício, não sendo necessário realizar nenhum procedimento adicional para recebê-lo. 

Contudo, é sempre bom estar atento aos canais oficiais de comunicação do INSS para eventuais atualizações ou mudanças no calendário de pagamentos.

Impacto econômico do adiantamento

O adiantamento do abono natalino tem um impacto significativo na vida dos beneficiários, e na economia como um todo. 

Ao injetar bilhões de reais no mercado, contribui para o aumento do consumo, movimentando diversos setores da economia e, consequentemente, auxiliando na manutenção e geração de empregos.

Veja também: HOJE (14/02) saiu a decisão do INSS e tabela que afeta brasileiros com salários entre R$ 1,4 mil e R$ 7 mil foi divulgada