4 empregos para você trabalhar de casa e ganhar R$ 50,00 por hora; realmente vale a pena?

Empregos são 100% online, possibilitando o início imediato por qualquer pessoa equipada com um smartphone.

Neste mundo digital acelerado, muitas pessoas buscam maneiras de incrementar sua renda sem sair de casa. Thais Monteiro, em seu vídeo publicado no YouTube intitulado “Ganhe R$50 por hora com estes 4 empregos para trabalhar em casa”, compartilha sua experiência pessoal.

Ela conta como transformou o trabalho remoto em uma fonte de renda substancial. Ela detalha quatro trabalhos online que não só lhe permitiram ganhar dinheiro extra mas também se tornaram sua principal fonte de renda.

4 empregos para você trabalhar de casa e ganhar R$ 50,00 por hora; realmente vale a pena?
Trabalhar sem sair de casa. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

4 empregos para você trabalhar de casa

  1. Trabalho de Digitação: Thais menciona que é possível ser pago para digitar textos através de sites como Freelancer.com.br. Nesses sites, as pessoas procuram por freelancers para redigir, traduzir, e revisar textos, com pagamentos que podem chegar a uma média de R$50 por hora. Ela explica que esse tipo de trabalho é útil para contratantes que, muitas vezes, não têm tempo para realizar essas tarefas, como adicionar legendas a vídeos no YouTube, o que aumenta a relevância dos vídeos na plataforma.
  2. Criação de Posts para o Instagram: Este emprego envolve a criação de conteúdo visual para o Instagram, e Thais enfatiza que não é necessário ser um designer experiente para começar. Ela destaca essa oportunidade como uma forma lucrativa de ganhar dinheiro, especialmente no início de sua jornada trabalhando online.
  3. Criação de Artes para Instagram usando Canva: Thais discute como muitos estabelecimentos comerciais, como hamburguerias e pizzarias, pagariam por artes profissionais para tornar seus perfis no Instagram mais atraentes. Ela explica que é possível usar o Canva, uma ferramenta de design gráfico, para criar essas artes facilmente, mesmo sem experiência prévia em design.
  4. Gestão de Redes Sociais: Embora não especificamente listado como um quarto emprego, Thais aborda a gestão de redes sociais como uma extensão natural da criação de artes para o Instagram. Ela sugere oferecer pacotes de serviços que incluam a criação de conteúdo e a gestão de postagens, ajudando estabelecimentos a manter uma presença online consistente e profissional.

Veja também: 6 oportunidades de RENDA EXTRA em 2024; opções digitais para iniciantes

Quais são os melhores trabalhos remotos para iniciantes?

Para iniciantes que buscam adentrar no mundo do trabalho remoto, escolher o caminho certo pode ser um desafio, principalmente devido à vasta gama de opções disponíveis.

Contudo, alguns trabalhos remotos se destacam por sua acessibilidade, necessidade mínima de experiência prévia e flexibilidade, tornando-os ideais para quem está começando. Aqui estão alguns dos melhores trabalhos remotos para iniciantes:

  1. Assistente Virtual: Um assistente virtual realiza uma variedade de tarefas administrativas para clientes, incluindo responder e-mails, agendar reuniões, e gerenciar redes sociais. Este trabalho oferece flexibilidade de horário e a oportunidade de ganhar experiência em várias áreas.
  2. Freelancer em Criação de Conteúdo: Se você tem habilidade com escrita, pode começar a trabalhar como redator ou editor de conteúdo. O mercado para criação de conteúdo é vasto, abrangendo desde blogs até scripts para vídeos e posts para mídias sociais.
  3. Desenvolvimento Web e Design Gráfico: Para aqueles com um interesse em tecnologia e design, aprender desenvolvimento web ou design gráfico pode abrir muitas portas. Existem inúmeros recursos online gratuitos e pagos para aprender essas habilidades.
  4. Suporte ao Cliente: Muitas empresas oferecem suporte ao cliente remotamente, e esta pode ser uma excelente maneira de começar a trabalhar remotamente. O trabalho geralmente envolve ajudar clientes por telefone, e-mail ou chat.
  5. Ensino de Idiomas Online: Se você é fluente em inglês ou em outro idioma, pode ensinar online. Plataformas como VIPKid e iTalki conectam professores com estudantes ao redor do mundo.
  6. Transcrição e Legendagem: Para aqueles que têm boa audição e habilidades de digitação, a transcrição de áudio e a criação de legendas para vídeos podem ser uma ótima opção. Plataformas como Rev e TranscribeMe oferecem oportunidades nesse campo.
  7. Entrada de Dados: Trabalhos de entrada de dados podem não ser os mais emocionantes, mas oferecem uma porta de entrada para o trabalho remoto. A precisão e a atenção aos detalhes são cruciais nessa função.
  8. Marketing de Afiliados: Se você tem um blog, canal no YouTube ou uma forte presença em redes sociais, pode ganhar dinheiro promovendo produtos ou serviços como um afiliado. Isso requer aprender sobre marketing digital e SEO, mas muitas informações estão disponíveis gratuitamente online.
  9. E-commerce: Vender produtos online através de plataformas como Etsy, eBay, ou até mesmo criar sua própria loja virtual com Shopify, pode ser um caminho viável para muitos iniciantes, especialmente aqueles com um lado criativo ou interesse em negócios.
  10. Tutoria Online: Além do ensino de idiomas, você pode oferecer tutoria em outras áreas de conhecimento, como matemática, ciências ou programação. Plataformas como Tutor.com e Chegg Tutors conectam tutores com estudantes que precisam de ajuda adicional.

Veja também: 30 franquias baratas para você começar com menos de R$ 1.000: trabalhe sem sair de casa em 2024

Quais plataformas oferecem as melhores oportunidades para trabalhos remotos?

  1. Upwork
  2. Freelancer
  3. Fiverr
  4. Toptal
  5. Remote.co
  6. We Work Remotely
  7. FlexJobs
  8. LinkedIn Jobs
  9. RemoteOK
  10. AngelList

Veja também: Renda extra: veja como conseguir emprego TEMPORÁRIO no final do ano

Ademais, é preciso ter em mente que o https://pronatec.pro.br não se responsabiliza por qualquer forma de pagamento descrita anteriormente através dos aplicativos citados. É indispensável sempre pesquisar antes sobre toda e qualquer plataforma, garantindo a segurança e evitando não só prejuízos financeiros, mas também a exposição dos dados pessoais.