Curso de Detetive Particular Reconhecido pela Polícia Federal


Curso de Detetive Particular agora é reconhecido por lei! Conheça as características, quem pode fazer e quanto ganha um Detetive Particular. Saiba mais!
Curso de Detetive Particular Reconhecido pela Polícia Federal

Curso de Detetive Particular Reconhecido pela Polícia Federal – Veja onde e como realizar o curso!

Curso de Detetive Particular Reconhecido pela Polícia Federal – Quem pode fazer? As características, área de atuação e quanto ganha. Confira tudo!

Desde o último mês de abril deste ano, uma nova lei reconhece a profissão de detetive particular, considerando-o como responsável pelo planejamento e pela execução de dados e informações de natureza não criminal e por isso o curso de detetive particular vem sendo muito procurado.

O detetive particular precisa ter conhecimento técnico e saber utilizar recursos e meios tecnológicos permitidos pela polícia federal, podendo esclarecer assuntos de interesse privado de seus clientes contratantes.

Quem pode fazer o curso e quanto ganha um Detetive Particular?

Quanto ganha um Detetive Particular

Qualquer pessoa acima de 16 anos completos pode fazer o curso de detetive particular. O curso não exige escolaridade mínima, uma vez que se trata de curso livre de capacitação básica e formação inicial, embora seja necessário que o aluno saiba ler e escrever corretamente, além, é claro, de gostar de estudar e de ter facilidade de aprendizado.

Segundo informações de algumas agências, o salário de um Detetive particular gira em torno de R$ 1.500 a R$ 3.000 mensal. O valor pode variar de acordo com a carga horária e complexidade do caso.

Detetive Particular é um Policial?

Curso de Detetive Particular Reconhecido pela Polícia FederalO detetive particular não é um policial. A lei permite que ele colabore com investigações policiais em curso, desde que autorizado pelo delegado de polícia e por um cliente, que pode admitir ou rejeitar sua atuação em qualquer tempo.

No entanto, ele está proibido de participar diretamente de diligências policiais e, para quem está trabalhando como detetive particular, não pode também executar qualquer tipo de serviço que contribua para a prática de crimes, não pode divulgar resultados da coleta de informações, a menos em defesa própria, e não pode utilizar os dados coletados contra o cliente.

O detetive particular ainda tem como deveres preservar o sigilo de suas fontes e respeitar o direito à privacidade, à intimidade, à honra e à imagem das pessoas.

Todas as contratações feitas devem ter um contrato por escrito, com o nome do cliente, o prazo de vigência dos serviços, o local de prestação de serviço, os honorários e a forma de pagamento.

As características para ser Detetive Particular

detetive particularAntes da nova legislação, o detetive particular devia atender determinados requisitos, como capacidade civil e penal, diploma de curso de formação com pelo menos 600 horas aulas, incluindo matérias como Direito Constitucional, Direitos Humanos, Direito Penal e Direito Civil, além de algumas outras disciplinas definidas pelo Conselho Nacional de Educação.

Contudo, pela nova lei, o Ministério da Justiça e a Advocacia Geral da União consideraram que a imposição desses requisitos iria impedir o exercício da atividade por profissionais de outras áreas, além de violar o princípio de presunção de inocência, o que iria contra a Constituição Federal.

Onde pode trabalhar o Detetive Particular?

O detetive particular pode trabalhar na área privada, para empresas (agências) e para particulares. Os serviços mais procurados são relativos à vida conjugal.

Além dos serviços particulares, o detetive particular pode colaborar com investigações criminais quando autorizado pelo cliente e desde que aceito pelo Delegado de Polícia.

Também pode trabalhar com bancos e advogados para localizar devedores e veículos para busca e apreensão, na elaboração de dossiês pessoais e comerciais, na investigação pré-nupcial, no monitoramento de adolescentes, nas gravações e filmagens ocultas, na localização de pessoas e na investigação de furtos continuados, entre outras atividades.

Como a profissão é reconhecida, o detetive particular pode abrir uma agência de investigações devidamente legalizada.

Curso de Detetive Particular – onde fazer?

Agência de Detetives Particulares, Brasil Investigações –  https://goo.gl/DvAz7B

Detetives  IICCP, Instituto de Investigação Criminal Científica Privada – https://goo.gl/7cojBC

Detetive e Investigador Particular Online – https://goo.gl/yGYg5z







Outros Artigos Relacionados!

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
2221

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *